Ícone com o símbolo de libras Lê-se: Acessível em VLibras
Created with Sketch. Created with Sketch. Right Icon Created with Sketch. Right Icon Created with Sketch. Created with Sketch. Created with Sketch.
Created with Sketch. Created with Sketch.
Ícone de expandir slides Created with Sketch. Created with Sketch. Created with Sketch. Created with Sketch. Created with Sketch. Created with Sketch.
Início do conteúdo

Você liga o celular ou computador no Wi-Fi e navega pela internet de onde estiver da casa. Uma praticidade e tanto, não acha? O grande responsável por essa realidade é o roteador, repleto de vantagens e funcionalidades.

Por exemplo, você sabe o que é WPS? Essa sigla está presente no menu de configurações ou mesmo no próprio modem, na parte traseira.

Se não sabe, sem problemas. Vai descobrir o que é WPS a partir de agora! Vamos lá?

Homem configurando o Wi-Fi Protected Setup do roteador. Homem configurando o Wi-Fi Protected Setup do roteador.

O que é WPS do roteador?

É a sigla para “Wi-Fi Protected Setup” ou Configuração de Wi-Fi Protegido, em tradução livre. Ele serve para agilizar a conexão de dispositivos no roteador, deixando de lado as senhas.

Na parte técnica, essa ferramenta grava um código com oito dígitos no modem, para acessar a rede. Assim, basta apertar o botão do WPS que o seu dispositivo já se conecta automaticamente.

No entanto, não é todo roteador que conta com esse recurso. Para saber se o seu tem, é preciso fazer algumas investigações. Primeiro, no próprio aparelho. Se não encontrar, o manual com certeza vai ajudar.

Um dos requisitos para o WPS funcionar é a rede usar WPA ou WPA2 como protocolo de segurança. Com o WEP, pode esquecer!

O que é WPA, WPA2 e WEP?

Para não ficar com essa dúvida, confira a diferença entre esses protocolos de criptografia de senhas:

  • WPA: usa sistemas de análises para barrar invasões, porém ainda é mais fraco que o WPA2;

  • WPA2: conta com padrões de segurança ainda mais avançados que evitam ataques de senha e possíveis invasões;

  • WEP: é uma conexão mais antiga e vulnerável, não recomendada para suas configurações de internet.

Para que serve?

Vamos pensar em como funciona a conexão de um dispositivo na internet. Pegue o seu celular como exemplo. Você vai nas configurações, escolhe o nome da rede e, na maioria dos casos, tem que digitar uma senha.

Sem descobrir a senha, fica complicado acessar a rede. A não ser que você seja um hacker ou que a rede não tenha nenhum protocolo de segurança, claro.

O WPS vem para criar atalhos nessa conexão. O jeito mais fácil é apertar o botão no roteador e, com isso, conectar seu dispositivo à rede.

Mas tem outras formas de usar o WPS do seu modem:

  1. Para impressoras, extensores de alcance e outros dispositivos, por exemplo, é preciso pressionar o botão do roteador primeiro e depois o do aparelho;

  2. Também tem o uso do PIN, em roteadores com suporte para WPS, sem botão. Basta inserir esse código no painel de configuração e pronto.

Leia mais:

Imagem de um roteador ligado e configurado com as luzes verdes acesas. Imagem de um roteador ligado e configurado com as luzes verdes acesas.

Qual é a diferença entre WLAN e WPS?

Você já sabe que WPS é a funcionalidade de conexão rápida entre roteador e dispositivos. Mas e o WLAN? O que significa essa sigla?

A chamada Wireless-LAN é uma rede local que não precisa de cabos para se conectar à internet. Ou seja, é uma rede sem fio.

Ela usa as ondas de rádio para essa conexão, além das transmissões de dados entre os dispositivos.

Para facilitar a compreensão, a WLAN é onde está o Wi-Fi.

Por que a luz WPS não acende?

Por padrão, a luz WPS acende durante o processo de conexão do roteador e do aparelho. Ou seja, quando você aperta o botão para ligar o celular, notebook ou outro aparelho na internet por essa ferramenta.

Então, caso a luz não esteja acesa, sem problemas! Ela também ficará apagada se você desativar o WPS.

Como ativar a função WPS do roteador?

Muitos roteadores tem o WPS que se aciona de forma automática, assim que você o instala. Nesses casos, nenhuma ação é necessária para ativá-lo.

O próprio modem já cria o PIN de oito dígitos e responde quando o botão é pressionado –– conectando-se a outro dispositivo. Nesses modelos, existem os que permitem a desativação do WPS e outros que não.

Há um terceiro modelo bem comum em que você pode ativar o WPS por tempo limitado. Então, a partir do momento em que apertou o botão até o fim do prazo, é possível fazer as conexões. Depois disso, é preciso ativá-lo novamente.

Este último é o mais útil, inclusive. Afinal, você consegue habilitar a função por alguns minutos para driblar senhas complexas durante uso próprio. Ainda mantém a segurança da rede na maior parte do tempo.

Mão sinalizando onde fica aS no roteador para ativar., na parte traseira do aparelho. Mão sinalizando onde fica aS no roteador para ativar., na parte traseira do aparelho.

Como desativar o WPS do roteador?

É um processo simples. Confira o passo a passo:

  • No seu navegador, digite o IP na barra de buscas, que você encontra no roteador ou pelas configurações do computador;

  • Procure por "Wireless" ou "Rede sem fio" (ou variações, dependendo da marca do aparelho);

  • Entre as opções, vá em WPS e clique em "Desabilitar";

  • Clique também em "Desabilitar Dispositivo PIN" (ou semelhante), confirmando a ação;

  • Agora, basta reiniciar o modem e pronto.

O que acontece se eu desativar o WPS?

Mesmo sabendo o que é WPS e suas vantagens, há quem prefira desativá-lo. E o que acontece nesses casos? Bem, a resposta é simples: seu roteador deixa de se conectar com facilidade à rede.

A questão é: por que desativar o WPS?

Em alguns casos, é uma forma de quebrar a segurança da sua rede. Afinal, com acesso ao roteador, a pessoa nem precisa da senha para se conectar. Ou basta descobrir o PIN que só tem números (dois blocos de quatro dígitos).

É essa a principal motivação para os usuários buscarem como desativar o WPS.

Qual melhor modem?

Encontrar um roteador bom é um passo importante para aproveitar a melhor internet residencial, concorda? Então, a nossa dica é avaliar a qualidade e a procedência do aparelho antes de comprar.

Já conhece o Modem Wi-Fi 4G e o Vivo Box? São opções ideais que utilizam a rede móvel para conectar você em diferentes ocasiões.

Saiba qual escolher:

  • Modem Wi-Fi 4G: é portátil e que permite a conexão de apenas um dispositivo;

  • Vivo Box: se você quiser conectar diversos aparelhos, para a família toda ou para amigos, essa é a melhor opção. O modem é compacto, cabe em qualquer lugar e ainda tem a melhor cobertura do Brasil.

Com o modem em mãos, você tem um plano com ótimo custo-benefício e ainda apps com conteúdo exclusivo. Dá para comprar nas Loja Vivo ou mesmo nos pontos de revenda.

Agora não tem mistério! Você já sabe o que é WPS, para que serve e até como ativar ou desativar a função. Essa é uma praticidade a mais no seu dia a dia.

Para aproveitar, tenha a melhor internet da Vivo na sua casa!

Até a próxima!

Leia também:

Escolha sua cidade